on 28 Ago 2018 12:18 PM

Para muitos atletas a Heliflex Corrida Popular da Costa Nova é a prova de estrada que encerra a época e é, ao mesmo tempo, um teste à sua condição física. Uma tendência que se tem vindo a acentuar, tanto mais que se trata, segundo os especialistas em medição de corridas de estrada, como a mais rápida prova do género do país: “Intitula-se os 10 km mais rápidos de Portugal e não é mentira” – confirma o ribatejano Filipe Vitorino, do Clube de Natação de Rio Maior, vencedor absoluto da quinta edição da Heliflex Corrida Popular da Costa Nova, que terminou com um registo oficial de 30:48 minutos, a apenas 15 segundos do recorde da prova, que se mantém na posse de Ricardo Ribas, do Sport Lisboa e Benfica.

A vitória de Filipe Vitorino começou-se a desenhar por volta do quilómetro seis quando conseguiu fugir aos seus mais diretos adversários, entre os quais o seu colega de equipa Bruno Batista, que registou o tempo de 30:56. De sublinhar que estes dois atletas competem ainda no escalão de sub-23, tendo pela frente uma grande margem de progressão.

Carla Martinho vence pela quarto ano consecutivo

No setor feminino Carla Martinho partia como a grande favorita à vitória final e confirmou isso mesmo sem surpresa. A atleta de 41 anos de idade que publicamente vem afirmando que a Heliflex Corrida Popular da Costa Nova é uma das suas provas preferidas tinha contudo outro objetivo em mente: o de bater o seu recorde pessoal e o recorde da prova que lhe pertence desde o ano de 2017. Não o conseguiu por escassos 3 segundos.

Organização surpreendida com elevado número de inscrições na última semana

No conjunto das provas foram cerca de 1400 os participantes, entre corrida de 10 km, Caminhada e Corrida da Pequenada e seriam muitos mais não fosse o facto de se ter registado uma procura inesperada das inscrições na segunda-feira anterior à prova, tanto que a organização viu-se obrigada a suspender as inscrições. «O facto de a prova ter esgotado as inscrições revela que a sua qualidade não passa despercebida. O que não esperávamos é que o aumento da procura excedesse as nossas melhores expectativas. Não é exagero dizer que que rejeitámos centenas de inscrições porque simplesmente não havia possibilidade de assegurar os stocks de última hora que esta procura obrigava» - explica José Manuel Henriques, do Atletas.net, a entidade organizadora da prova, em parceria com a Câmara Municipal de Ílhavo. Para o presidente da autarquia, Fernando Caçoilo, esta é uma aposta ganha: «É um evento que se tem afirmado no Município de Ílhavo por direito próprio e só temos de estar satisfeitos com toda esta adesão».

A Heliflex Corrida Popular da Costa Nova teve na prova de 10 km o seu evento principal mas houve todo um programa que se estendeu ao longo do dia de sábado e que inclui ainda a Caminhada Vagueira – Costa Nova, a Corrida da Pequenada, Passeio Naútico, exibições de fitness, futebol, zumba, karaté e vela.